RSS
  Whatsapp

Coordenador dos Centros Sociais Urbanos da Bahia, Paulo Mota, confirma pré-candidatura a vereador de Salvador

Compartilhar

 

Com uma vasta atuação em movimentos sociais, gestão pública e com muita experiência em assessoria parlamentar, Paulo Mota terá um novo desafio em 2024. Com mais de vinte anos de experiência na gestão pública, o Coordenador dos Centros Sociais Urbanos da Bahia e dirigente partidário do Partido dos Trabalhadores (PT) vai tentar chegar à Câmara de Vereadores de Salvador neste ano.

 

“Para mim será mais um grande desafio assumir esta missão de disputar uma vaga no poder legislativo de minha cidade. Mas, em toda a minha vida nunca fugi de desafios, a maior parte da minha carreira profissional foi dedicada à gestão pública e me empenhei para sempre fazer o melhor”, destaca Mota.

 

Com a atuação em mandatos de parlamentares e cargos públicos nas esferas municipal, estadual e federal, foi candidato em quatro anos eleitorais e destaca a importância deste período político: “minhas candidaturas serviram como experiência! Hoje me sinto preparado para representar o povo”, acrescenta o petista.

 

Em 2023, a convite da Secretária de Assistência e Desenvolvimento Social da Bahia (SEADES), Fabya Reis, Paulo Mota assumiu a Coordenação de Administração dos Centros Sociais Urbanos (CSU). Esta coordenação tem o objetivo de promover o desenvolvimento e a inclusão social, oferecendo serviços socioassistenciais à população através destes equipamentos.

 

A gestão de Paulo Mota a frente dos Centros Sociais Urbanos vem retomando o papel principal e fundamental dos CSUs dentro das comunidades, promovendo a efetivação de políticas públicas voltadas ao atendimento de crianças, jovens, adultos e idosos no âmbito do sistema de garantias de direitos, esporte, cultura, educação, lazer, emprego e renda.

 

“O primeiro encontro que fizemos com todos os Grupos de Convivência de Pessoas Idosas dos Centros Sociais Urbanos foi muito emocionante e gratificante, reunimos mais de 600 idosos que utilizam os CSUs, momento esse que ficou marcado na história dos Centros Sociais Urbanos, tenho dito sempre que meu prazer é trabalhar para o povo, meu amor é cuidar de gente”, continua Paulo Mota.

 

Sobre sua pré-candidatura, Paulo Mota reafirma que se eleito, seu mandato será para lutar pelos direitos da pessoa idosa, melhoria na educação e esporte, direito ao emprego e moradia digna, pela inclusão social para todas as pessoas que sofrem em situação de vulnerabilidade social.

Foto: Arquivo pessoal

Reinaldo Oliveira

Mais de Salvador